Smart Home Show

Pela 1a vez em Portugal um salão dedicado exclusivamente às Smart Homes, um evento que pretende reunir entidades que atuam no ramo da Domótica e Automação de Lares. Esta é uma área em crescendo tanto a nível mundial como a nível nacional e na qual se pretende desmistificar alguns temas relacionados com este mercado. O Smart Home Show irá realizar-se em simultâneo com o" Imobinvest – Salão Imobiliário.

O ser humano encontra-se numa época onde procura incessantemente a sofisticação, comodidade e segurança, com a ajuda de computadores e sistemas inteligentes. Esta interligação dos sistemas faz assim parte do quotidiano do indivíduo e na qual vem mudando o paradigma do que ao controlo de uma casa diz respeito. Já são diversas as entidades que apresentam soluções que permitem um controlo remoto em tempo real através de aparelhos como Smartphones, Tablets ou computadores.

Os diferentes sistemas existentes no mercado permitem uma gestão eficiente do consumo de energia, uma maior segurança, gestão, controlo, modernismo, acessibilidade, poupança e conforto geral. Desta feita torna-se importante os vários players do mercado imobiliário terem em consideração na fase da conceção do empreendimento assuntos como a projeção, construção e habitação.

Os visitantes do Smart Home Show poderão assim contactar com as diferentes soluções existentes no mercado da domótica e descobrir mais sobre as tecnologias que vêm sendo progressivamente adoptadas para os lares portugueses.

A Domótica vem mudando o paradigma do que à gestão e controlo das habitações diz respeito, tornando os processos autónomos e os ambientes mais hospitalares. A nível mundial o crescimento deste mercado tem sido progressivo e na qual se prevê que continue a crescer tal como indica o estudo da Markets and Markets que revela que o mercado mundial das Casas Inteligentes tem uma previsão de crescimento de 76.6$ Mil Milhões em 2018 para 151.4$ Mil Milhões, sendo que este crescimento é sustentado graças ao elevado número de utilizadores da Internet e à adoção gradativa de aparelhos móveis.

Portugal tem igualmente sido um país na qual o crescimento deste setor também é notório, tal como indicam os dados do portal Statista, revelando que em Portugal, no ano de 2019, 5.1% das casas serão inteligentes, prevendo-se que essa taxa atinja os 13.7% em 2023. O portal Diário Imobiliário destaca que até ao ano de 2020, o mercado das cidades inteligentes, a nível mundial, irá crescer 19%, demonstrando bem o papel que a tecnologia terá no futuro das cidades.

O Smart Home Show tem como finalidade ser, assim, um facilitador de negócios e uma plataforma de divulgação das Smart Homes. Para além disso, serão igualmente debatidos assuntos e tendências deste sector, assim como apresentadas as mais recentes novidades do mercado por parte das diferentes entidades participantes. Este evento pretende ser um espaço inovador, focando-se na importância em se adotar uma Casa Inteligente por diversos motivos como a segurança, controlo entre outros. A par disso pretende-se abordar que a domótica é acessível para todas as habitações e não exclusivamente para as casas de luxo.

O Smart Home Show aprofundará também a dimensão internacional, refletindo a crescente importância que os residentes estrangeiros assumem no panorama imobiliário português.